10 dicas para se tornar uma empresa desejada

Para qualquer empresa ter sucesso no mercado seu maior investimento deve ser em recursos humanos, afinal são os colaboradores que constroem a empresa, além de serem, na realidade, os consumidores mais próximos das práticas e dos valores da marca.

Os profissionais precisam ser fortalecidos com valores autênticos, além de receber ótimas condições de trabalho, um excelente ambiente e a motivação necessária. Dessa forma, um grande passo será dado rumo à retenção de talentos.
Muitas pessoas pensam que o único meio para captar e reter talentos é uma boa remuneração, seja uma boa proposta salarial ou o aumento de salário e/ou benefícios, mas não é bem assim. Existem outros fatores que fazem um bom colaborador entrar ou ficar em uma empresa.

Para atrair e reter talentos, é preciso que a empresa seja desejada para trabalhar. Pensando nisso, reunimos 10 dicas para lhe ajudar a transformar sua empresa. Confira:

Para atrair e reter talentos, é preciso que a empresa seja desejada para trabalhar.

dicas-para-se-tornar-empresa-desejada

1. Horário flexível

Ter flexibilidade de horário é um chamariz muito grande aos funcionários, além de aumentar a produtividade no trabalho! Sandra Gioffi, diretora da Talent & Organization da Accenture e palestrante no comitê da Amcham, defende que a flexibilidade no trabalho pode contribuir para o aumento da produtividade: “As empresas podem optar por diferentes maneiras de customização, mas no final todas alcançarão comprometimento dos funcionários, aumento da produtividade, reputação de boa empregadora, retenção de talentos e resultados de negócios”.

horario-flexivel

 2. Comunicação eficaz e aberta

Não existe mais espaço para ações fragmentadas de comunicação, todos os públicos de interesse da organização devem não só estar a parte, mas também participar do processo de comunicação. Exemplos de como ter uma comunicação eficaz e aberta: sinergia entre chefes e subordinados, avaliação 360 graus para todos os funcionários, política de portas abertas, valorização das sugestões dos funcionários, linha direta para reclamações, pesquisa de clima periódica para medir a satisfação dos funcionários, clareza e abertura na comunicação interna e ambiente de trabalho onde as pessoas sintam-se livres para participar, criar e ter iniciativa.

Comunicação-eficaz-e-aberta

3. Planejamento do espaço de trabalho

A disposição dos móveis, equipamentos e os espaços para circulação devem ser planejados para proporcionar boa comunicação e interação entre os colaboradores. A privacidade e o conforto também são importantes para um bom ambiente de trabalho e, em conjunto, interferem na satisfação que as pessoas têm do local onde exercem sua atividade profissional. “As pessoas de fato percebem a arquitetura do lugar onde atuam”, declara a arquiteta Érika Bataglia, da Faculdade de Arquitetura e Urbanismo (FAU) da USP.

Planejamento-do-espaço-de-trabalho

 4. Cadeiras confortáveis e ergonômicas

Uma boa postura possibilita um dia mais feliz e produtivo. O primeiro passo para iniciar a jornada de trabalho deve ser organizar seu ambiente de trabalho de forma que fique confortável. A cadeira ergonômica para escritório influencia diretamente no desenvolvimento e produção no trabalho, principalmente se na maioria do tempo fica-se somente sentado.

Cadeiras-confortáveis-e-ergonômicas

5. Clima organizacional

Está relacionado com o grau de motivação de seus colaboradores. Ele é favorável quando proporciona satisfação dos funcionários e desfavorável quando traz frustação. Um clima organizacional ruim traz uma péssima reputação para a empresa e repulsa de seus colaboradores.

clima-organizacional

6. Feedbacks e incentivos

À medida que a empresa motiva o funcionário, ele se torna mais proativo e desempenha melhor suas tarefas. Os profissionais adoram benefícios, uma maneira inteligente de definir mérito é o de avaliação por resultados: quem trabalha melhor deve ganhar mais.

feedbacks-incentivos

7. Harmonia dos elementos no ambiente de trabalho

O ambiente que nos cerca influencia diretamente no nosso comportamento. As cores, iluminação, espaço e o conforto do local determinam de forma inconsciente algumas posturas e atitudes das pessoas. Escritórios e locais de trabalho devem ser desenvolvidos com o objetivo de contribuir para o conforto, harmonia e bem estar das pessoas que utilizarão o espaço. “Ambientes com iluminação natural, com vista para o lado externo e com temperatura agradável são muito valorizados e influenciam na satisfação”, descreve Érika Bataglia, arquiteta da USP, que completa: “Em casos em que isso não acontece as pessoas ficam menos satisfeitas”.

reter-talentos2

8. Novas áreas de conhecimento e carreiras

Oferecer ao colaborador uma oportunidade de conhecer e se desenvolver em novas áreas da empresa é um ponto muito atrativo, assim como um belo plano de carreira. Formas de se fazer isso é através de job rotation, oportunidades de estágio e carreira em outras unidades do grupo, entre outros.

areas-de-conhecimento

9. Oportunidades no exterior

Um dos benefícios das empresas que é mais visado pelos funcionários são as oportunidades de trabalhar no exterior, sejam viagens ou transferências periódicas. Isso amplia o conhecimento e agrega cultura e valores para o colaborador, itens que ele busca encontrar dentro de uma excelente empresa para se trabalhar.

oportunidades-no-exterior

10. Perspectiva e objetivos profissionais

O funcionário tem que ter motivos para acreditar que sua vida está indo para frente, precisam de perspectiva de crescimento, realizar sólidos planos de carreira dentro da empresa que vão de encontro com seus objetivos profissionais. Para que isto aconteça, a empresa deve dar autonomia e oportunidades, como política de promoção com base em avaliação de desempenho para todos os funcionários, prioridade ao recrutamento interno e aconselhamento de carreira.

perspectiva

Estruturando bem os tópicos acima dentro da empresa, a captação e retenção de talentos se torna mais fácil e muito mais eficaz. Lembramos que ainda há outras formas de aumentar a satisfação no trabalho: tornar cargos mais divertidos, adequar as pessoas com os cargos de acordo com seus interesses e habilidades, desenhar cargos para torná-los desafiadores e satisfatórios, entre outros.

Atualmente não podemos pensar de uma forma unilateral e fechada acreditando somente no interesse financeiro dos colaboradores em continuar na empresa. É preciso investir em valores empresariais, tão importantes para os empregados quanto o dinheiro em si.

Uma empresa bem ambientada, confortável para se trabalhar, com um clima empresarial leve, boa comunicação e muitos incentivos, possui fatores importantes que influenciam positivamente a decisão do colaborar em entrar ou continuar na empresa.

Referências: RECURSOS HUMANOS – Idalberto Chiavenato; COMUNICAÇÃO EMPRESARIAL E PLANOS DE COMUNICAÇÃO – Maurício Tavares; MARKETING 3.0 – Philip Kotler; Empregos.com.br – Juliana Ricci; Agência USP de Notícias – Érika Bataglia; AMCHAM Brasil – Sandra Gioffi; Mundo Ergonomia – Osny Telles Orselli.

Agora é sua vez de colocar em prática nossas dicas! Dúvidas?

Fale conosco: comercialguacu.com.br/contato

Quem viu disse